Aplicação das ferramentas produção mais limpa e análise de modos de efeitos e falha em abatedouro-frigorífico de suínos

J. M. Fonseca, A. P. Peres

Resumo


Os Programas Produção mais Limpa (P+L) e Análises de Modos e Efeitos de Falha (FMEA) são ferramentas usadas para melhorar a sustentabilidade de indústrias, garantindo maior rentabilidade, qualidade, confiabilidade e segurança dos seus produtos e serviços. As indústrias de carnes e derivados estão entre as indústrias mais poluidoras, devido ao grande número de resíduos orgânicos gerados durante o processamento da carne. O objetivo deste trabalho foi associar as ferramentas P+L e FMEA e aplicá-las em um abatedouro-frigorífico de suínos, a fim de detectar pontos críticos ao longo da cadeia produtiva, os quais geram grande impacto ambiental e estabelecer ações corretivas e medidas preventivas que possam minimizá-los. Os resultados mostraram que a água é o recurso mais consumido pela indústria e também o maior gerador de resíduos, devido a sua contaminação microbiológica com dejetos e sangue animal e detritos de carne. Todos os impactos se mostraram reais, devido a sua ocorrência diária na indústria, e a severidade, ocorrência, detecção e abrangência dos mesmos foram classificadas em moderada e alta, alta, baixa e moderada, moderada e alta, respectivamente. A aplicação das ferramentas P + L e FMEA mostraram-se eficientes na identificação e avaliação dos impactos ambientais provocados pelo abate e processamento de carcaças de suínos. Os efluentes líquidos do abate e os resíduos sólidos (sangue e ossos) constituem os aspectos ambientais que oferecem maiores riscos para o meio ambiente. A substituição dos produtos químicos da estação de tratamento por micro-organismos decompositores, a compostagem e a produção de farinha e ração animal a partir dos resíduos sólidos são medidas cabíveis que a indústria pode adotar para minimizar a contaminação de mananciais e do solo.


Palavras-chave


controle ambiental; abatedouro-frigorífico; carne suína; qualidade.

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Conselho Nacional do Meio Ambiente. Resolução nº 430, 13 de maio de 2011. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 13 mai., 2011.

BRASIL. Decreto n°. 24.643, 10 de julho de 1934. Código nacional das águas. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil. Brasília, DF, 20 jul., 1934.

CEBDS - BRAZILIAN BUSINESS COUNCIL FOR SUSTAINABLE DEVELOPMENT. Cleaner production in micro and small business. Brasília: SEBRAE, 2005.

CRUZ, F.P.; ARAÚJO, W.E.L. Avaliação dos aspectos e impactos ambientais no setor de abate de um frigorífico em Cachoeira Alta-GO. Revista Online UniRV, v.1, p.28-40, 2015.

DJEKIC, I.; RADOVIC, C.; LUKIC, M.; STANISIC, N.; LILIC, S. Environmental life-cycle assessment in production of pork products. The first Croatian Meat Journal, v.17, p.469-476, 2015.

DJEKIC, I.; TOMASEVIC, I. Environmental impacts of the meat chain- Current status and future perspectives. Trends in Food Science & Technology, v.54, p.95-102, 2016.

DONAIRE, D. Environmental management in the company. 2th. ed. São Paulo: Atlas, 1999.

FERROLI, P.C.M.; FIOD NETO, M.F.; CASAROTTO FILHO, N.C.; CASTRO, J.E.E. Emissões Zero: uma Visão da Metodologia ZERI em Fábricas de Subprodutos de Origem Animal. Revista Produto & Produção, v.2, p.66-74, 1997.

KANIA, A.; ROSZAK, M.; SPILKA, M. Evaluation of FMEA methods used in the environmental management. Archives of Materials Science and Engineering, v.65, p.37-44, 2014.

OKANO, O.; FUZARO, J.A.; BASSOI, L.J.Guia técnico ambiental de graxarias- série P+L. São Paulo: CETESB –Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental, 2006.

OZTURK, E.; KOSEOGLU, H.; KARABOYACI, M.; YIGIY, N.O.; YETIS, U.; KITIS, M. Sustainable textile production: cleaner production assessment/eco-efficiency analysis study in a textile mill. Journal of Cleaner Production, v.138, p.248-263, 2016. https://doi.org/10.1016/j.jclepro.2016.02.071

RABELO, M.H.S.; SILVA, E.K.; PERES, A.P. Failure mode and effect analysis for the evaluation of environmental impacts of animal slaughter. Engenharia Sanitária Ambiental, v.20, p.1-7, 2014.

RAHIM, R.; RAMAN, A.A.A. Cleaner production implementation in a production plant. Journal of Cleaner Production, v.101, p.215-221, 2015. https://doi.org/10.1016/j.jclepro.2015.03.065

SILVA, D.A.L.; DELAI, I.; CASTRO, M.A.S.; OMETTO, A.R. Quality tools applied to cleaner production programs: a first approach toward a new methodology. Journal of Cleaner Production, v.47, p.174-187, 2013. https://doi.org/10.1016/j.jclepro.2012.10.026

TRAFIALEK, J.; KOLANOWSKI, W. Application of failure mode and effect analysis (FMEA) for audit of HACCP system. Food Control, v.44, p.35-44, 2014. https://doi.org/10.1016/j.foodcont.2014.03.036




DOI: http://dx.doi.org/10.17523/bia.v74n2p105

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Boletim de Indústria Animal

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.


Boletim de Indústria Animal
 
Instituto de Zootecnia
Rua Heitor Penteado, 56 - Centro
CEP: 13460-000 - Nova Odessa - Brasil - SP
Tel: (+55 19) 3476-9809
 
 
editor@iz.sp.gov.br
 
Licença Creative Commons
Os trabalhos publicados no Boletim de Indústria Animal está licenciado com uma Licença 
Creative Commons