Produtividade da soja com antecipação da adubação potássica nas culturas da aveia preta, canola e trigo

Douglas Vinicius Cibotto, Antonio Mendes de Oliveira Neto, Naiara Guerra, Leandro Meert, Eduardo Leonel Bottega, Guilherme Bispo Leal

Resumo


O presente estudo objetivou-se avaliar a resposta produtiva da cultura da soja em função da antecipação da adubação com potássio realizada nas culturas da aveia-preta, canola e trigo. O experimento foi conduzido no campus experimental da Faculdade Integrado de Campo Mourão - PR, na safra 2013/14. Adotou-se o delineamento experimental de blocos casualizados, os tratamentos foram arranjados em esquema fatorial 3 x 3, sendo que o primeiro fator consistiu de três plantas de cobertura cultivadas no outono inverno (trigo, aveia preta e canola) e o segundo fator foi composto por três épocas de fornecimento de K2O para a cultura da soja (100% do K2O na cultura de inverno, 50% na cultura de inverno + 50% na soja e 100% na semeadura da soja). A dose de K2O utilizada foi equivalente a 40 kg ha-1. As variáveis avaliadas foram número de nós reprodutivos por planta, número de vagens por planta e produtividade de grãos de soja. A antecipação da adubação com potássio não interferiu na resposta produtiva da cultura da soja.

Palavras-chave


adubação de sistema; fertilidade do solo; Glycine max; plantas de cobertura; rotação de culturas

Texto completo:

PDF HTML

Apontamentos

  • Não há apontamentos.





Campo Digital
 
Faculdade Integrado de Campo Mourão
Rodovia BR-158 Km 207
CEP 87300-970 - Campo Mourão - PR
Tel (+55 44) 3518-2500

daniele.chefer@grupointegrado.br