Alterações clínicas e laboratoriais em um cão com anemia hemolitica imunomediada: relato de caso

Luana Teles Ramos, Ana Karine Rocha de Melo

Resumo


A anemia hemolítica imunomediada (AHIM) é um distúrbio imunológico mais comum em cães que em gatos. Ela se caracteriza pela presença de anemia por destruição direta ou fagocitose de hemácias opsonizadas. Pode ser aguda ou crônica, regenerativa ou arregenerativa. Objetivou-se descrever as alterações clínicas e laboratoriais em um cão com AHIM. O animal apresentou anemia regenerativa, leucocitose com neutrofilia e monocitose. Alterações séricas de ALT, fosfatase alcalina, creatinina e uréia estavam presentes. Apatia, dispneia e icterícia foram visualizadas evoluindo para óbito. Nesse relato, a anemia hemolítica imunomediada induziu alterações clínicas, hematológicas e bioquímicas significativas que comprometeram a vida do cão.


Palavras-chave


anemia hemolítica imunomediada; hematologia; bioquímica; cão; Paraíba

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.





Revista Científica Eletrônica de Medicina Veterinária
Sociedade Cultural e Educacional de Garça/ACEG
Faculdade de Ensino Superior e Formação Integral
Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros, Km 420
Estrada de Acesso a Garça, Km 01
CEP: 17400-000, Garça/SP
+55 14 3407-8000

famed@faef.br

http://faef.revista.inf.br/site/c/medicina-veterinaria.html