Relato de caso: intervenções realizadas e proposta de avaliação sanitária de animais em um caso de acumulação no município de Curitiba, estado do Paraná, Brasil

E. C. Silva, G. R. Cunha, A. W. Biondo, D. Floeter, M. F. Ceccon-Valente

Resumo


A acumulação compulsiva é um transtorno mental em que os indivíduos possuem uma dificuldade em se desfazer de objetos ou animais e apresentam incapacidade de organizar o espaço de convivência. O acúmulo compulsivo de objetos e/ou animais proporciona um ambiente de riscos para o convívio de pessoas e animais, gerado pelas condições insalubres presentes, favorecendo, desse modo, a ocorrência de agravos à pessoa, à saúde pública e facilitando a disseminação de zoonoses. O relato de caso descreve as intervenções realizadas em um possível caso de acumulação de animais e descreve a proposta de avaliação sanitária dos animais para leptospirose. As atividades foram desenvolvidas por meio de uma parceria entre a Universidade Federal do Paraná, a Prefeitura de Curitiba e voluntários de proteção aos animais, financiada pela Fundação Araucária. Uma senhora de 78 anos, com relato de problemas de saúde, reside com dois filhos adultos, 26 cães e 13 gatos não castrados. Os animais, filhotes e adultos, vivem soltos na área externa e dentro de casa, sem separação entre machos e fêmeas. O ambiente apresenta odor desagradável de fezes e urina e está infestado por pulgas e contaminado pelo vírus da cinomose. Já houve incêndio e enchentes no local. As ações realizadas visaram promover melhorias na saúde dos animais e auxiliar no encaminhamento destes para a adoção. As ações estão ocorrendo desde outubro de 2014 e compreenderam a identificação, o exame clínico, a desverminação, a vacinação e a coleta de sangue dos animais, para posterior realização de diagnóstico para leptospirose. Foi realizado um mutirão de limpeza no local de convivência dos animais. Gradativamente todos os animais foram castrados e receberam auxílio constante no fornecimento de ração, ao mesmo tempo que foram sendo encaminhados para feiras de adoção. A coleta de sangue foi realizada em 13 animais adultos e os resultados obtidos para hematócrito, fibrinogênio e proteína plasmática se encontram dentro dos valores de referência, apresentando apenas um animal com níveis elevados de proteína plasmática. A análise sorológica para a leptospirose aguarda o encaminhamento para o laboratório. Os procedimentos executados no caso forneceram uma melhoria do grau de bem-estar dos animais envolvidos e das condições de salubridade da residência, o que interfere diretamente na qualidade de vida da senhora. A investigação do risco de disseminação de zoonoses proporcionará uma nova visão dos casos de acumuladores de animais, correlacionando os casos com a biossegurança da saúde pública no Brasil.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.





A revista de Educação Continuada em Medicina Veterinária e Zootecnia do CRMV-SP
 
Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São Paulo
Rua Apeninos, 1088 - Paraíso
CEP 04104-021 - São Paulo - SP
Tel: (+55 11) 5908-4799
Fax: (+55 11) 5084-4907
 
comunicacao@crmvsp.gov.br
www.crmvsp.gov.br