Percepção sobre zoonoses de alunos do ensino médio e participantes de projetos educativos no município de Caxias do Sul, estado do Rio Grande do Sul, Brasil

R. Festugatto, L. Silva, V. B. Hainzenreder

Resumo


As zoonoses são um verdadeiro desafio à comunidade, já que há certa escassez de informações à população sobre o que são e quais as principais doenças ou infecções naturalmente transmitidas entre os animais vertebrados e os seres humanos. Ainda há poucas observações sobre o real conhecimento da população brasileira sobre o assunto. Por tratar-se de um tema bastante importante à comunidade e à saúde pública, torna-se necessária a obtenção de dados relativos ao grau de conhecimento da população sobre o tema. Este trabalho investigou o conhecimento dos alunos do ensino médio e dos participantes de Projetos Educativos sobre as zoonoses. O estudo foi realizado com alunos do ensino médio do Colégio Murialdo Ana Rech (2º ano: 24 alunos; 3º ano: 24 alunos) e participantes dos Projetos Educativos Murialdo Santa Fé (21) e Ação Social Murialdo (16) no período compreendido entre os meses de agosto a dezembro de 2016, totalizando 85 participantes. Foi realizada uma pesquisa de campo de caráter quantitativo com o emprego de um questionário estruturado com perguntas abertas e fechadas, contendo questionamentos a respeito do significado do termo zoonose, origem da informação recebida, animais envolvidos e a relevância do tema para a saúde pública. Foi construído um banco de dados, do qual foram obtidas as informações quanto ao conhecimento dos alunos sobre o tema e traçado um paralelo entre os locais avaliados. Os resultados obtidos revelaram que 85,8% (73/85) dos entrevistados afirmaram não conhecer o significado do termo zoonose. No Projeto Educativo Ação Social todos os 16 participantes conheciam o termo. De acordo com eles, 66,6% afirmaram que tinham ouvido falar a respeito de zoonoses na internet, 16,6% na escola e 16,6% na TV. A observação dos dados demonstra que há carência de conhecimento da população sobre o tema, portanto, são necessárias ações educativas e adaptadas a realidade das localidades para conscientizar a população sobre esse grupo de doenças, de modo a auxiliá-las na prevenção da sua ocorrência.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.





A revista de Educação Continuada em Medicina Veterinária e Zootecnia do CRMV-SP
 
Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São Paulo
Rua Apeninos, 1088 - Paraíso
CEP 04104-021 - São Paulo - SP
Tel: (+55 11) 5908-4799
Fax: (+55 11) 5084-4907
 
comunicacao@crmvsp.gov.br
www.crmvsp.gov.br