Projeto: caracterização do perfil e mapeamento dos acumuladores de animais em um distrito sanitário do município de Belo Horizonte, estado de Minas Gerais, Brasil

G. N. R. F. Teixeira, L. C. F. Martins, D. F. M. Soares, J. A. M. C. Silva, V. O. P. Fiuza, M. H. F. Morais

Resumo


A acumulação de animais, ou Síndrome de Noé, é uma forma de apresentação do transtorno da acumulação (TA), que é o termo utilizado para definir uma psicopatologia humana caracterizada pela aquisição compulsiva e acumulação de objetos desnecessários, algumas vezes insalubres ou perigosos, e a resistência em desfazer-se deles. No Brasil há uma carência de dados sobre a situação atual do número de pacientes com Transtorno de Acumulação de Animais (TAA). É indispensável que se conheça a demografia populacional dos animais para o planejamento das ações de controle de zoonoses dos municípios. Atualmente a Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte (SMSA-BH), está se mobilizando e debatendo soluções para esses casos e delineando um protocolo padrão para todo o município, a fim de estabelecer procedimentos de conduta padronizados. Este projeto foi delineado para reconhecer e registrar os casos de acumuladores de animais de um Distrito Sanitário (DS) de Belo Horizonte e de caracterizar o perfil dos casos localizados, de modo a oferecer um instrumento para futuras intervenções e um modelo que possa ser utilizado no município, além de contribuir com a elaboração e implantação do protocolo. Para a realização do estudo,foi desenvolvido um projeto no qual serão, inicialmente, utilizadas informações cadastradas nos Serviços de Saúde de Belo Horizonte, além da realização de entrevistas com os acumuladores, quando necessário e possível, em parceria com os Centros de Saúde da respectiva área de abrangência. Os dados coletados serão armazenados em uma planilha no programa Excel® para a determinação da distribuição de frequências das variáveis relacionadas às características sociodemográficas, ambientais e sanitárias do indivíduo acumulador e das variáveis referentes aos animais. O mapeamento dos casos será realizado a partir da marcação da localização das residências visitadas e, com o auxílio do GPS, serão confeccionados mapas para visualização espacial dos casos com o auxílio do software TerraView 4.2.2®. No contexto atual, a identificação e o conhecimento do perfil dos acumuladores de animais, nos aspectos relacionados à situação ambiental e social, é uma temática de grande importância para a definição de estratégias de controle.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.





A revista de Educação Continuada em Medicina Veterinária e Zootecnia do CRMV-SP
 
Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São Paulo
Rua Apeninos, 1088 - Paraíso
CEP 04104-021 - São Paulo - SP
Tel: (+55 11) 5908-4799
Fax: (+55 11) 5084-4907
 
comunicacao@crmvsp.gov.br
www.crmvsp.gov.br