Eficácia de ectoparasiticidas contra larvas de Aedes aegypti: nota de pesquisa

Willian Marinho Dourado Coelho, Katia Denise Saraiva Bresciani, Wilma Starke Buzetti

Resumo


Foi avaliada a eficácia de produtos ectoparasiticidas contra larvas de Aedes aegypti. Os princípios ativos fluazuron 2,5 g, cipermetrina 150 g, flumetrina 1 g, propoxur 1 g, deltametrina 25 g, clorpirifós 30 g, cipermetrina 15 g, fenthion 15 g, diazinon técnico estabilizado 40 g, fipronil 2,5%, triclorfone 97 g, coumafós 3 g, propoxur 2 g, fentione 15 g e amitraz 12,5% foram adquiridos comercialmente e preparados conforme recomendações dos fabricantes. Os produtos foram distribuídos em recipientes individuais contendo larvas de A. aegypti em ambiente controlado. A inspeção da viabilidade larval foi verificada durante 24 horas. Os produtos foram aplicados nos locais de coleta das larvas (criadouros dos mosquitos), vistoriados diariamente por um mês. Foi observado que 100% das larvas morreram em até 60 minutos, tanto nos recipientes monitorados em laboratório como no meio ambiente. Nas áreas em que foi realizada a pulverização com os inseticidas supramencionados, não foi verificada a presença de larvas por um período de até 30 dias. Concluiu-se que produtos comumente utilizados em animais como ectoparasiticidas foram eficazes contra larvas de A. aegypti, podendo ser utilizados para o controle desse importante vetor, caso tal utilização seja analisada e regulamentada pelos órgãos oficiais do país.

Palavras-chave


dengue; febre amarela; chikungunya; mosquitos; zika vírus

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.





A revista de Educação Continuada em Medicina Veterinária e Zootecnia do CRMV-SP
 
Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São Paulo
Rua Apeninos, 1088 - Paraíso
CEP 04104-021 - São Paulo - SP
Tel: (+55 11) 5908-4799
Fax: (+55 11) 5084-4907
 
comunicacao@crmvsp.gov.br
www.crmvsp.gov.br